Polícia Civil prende três após encontrar cocaína em mamadeira no Brás

Agentes do Denarc apreenderam 1.032 gramas da droga, escondida em fundo falso dos objetos; cocaína iria para Europa

O Estado de S.Paulo

13 Setembro 2016 | 11h16

SÃO PAULO - A Polícia Civil de São Paulo prendeu dois homens e uma mulher nesta terça-feira, 13, no Brás, região central de São Paulo, após encontrar cocaína escondida em fundo falso de mamadeiras e em garrafas térmica. O flagrante foi feito por agentes do Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcótico (Denarc).

De acordo com as investigações, um casal de moradores do Brás teria importado a cocaína da Bolívia e a carga seria levada para a Europa. Um boliviano, que atuaria como "mula", responsável por transportar a droga, também foi preso na operação.

As investigações começaram após o Denarc receber uma denúncia anônima sobre tráfico na região do Brás, há cerca de dois meses. Segundo a Polícia Civil, o casal atuaria de forma autônoma, sem relação direta com facções criminosas. Ao todo, os policiais apreenderam 1.032 gramas de cocaína, escondidos em seis mamadeiras e duas garrafas térmicas, na operação.

Mais conteúdo sobre:
Polícia Civil São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.