PMs são presos por fazer escolta de traficante em Pinheiros

Soldados em trajes civis fecharam viatura do GOE e suspeito conseguiu fugir

Rafael Italiani, O Estado de S. Paulo

11 Abril 2014 | 16h00

SÃO PAULO - Três soldados da Polícia Militar foram presos em flagrante, na tarde de ontem, em Pinheiros, na zona oeste, enquanto faziam a escolta de um traficante de drogas. Os PMs, que trabalhavam no 34º Batalhão de Polícia Militar Metropolitano (34º BPMM), estavam em trajes civis, com pistolas calibre .40 da corporação, um fuzil AR-15 e um revólver. Segundo a Polícia Civil, o trio escoltava um traficante que transportava drogas do Tatuapé, na zona leste, ao Cambuci, na região central. Um comerciante com passagens por roubo foi preso junto com os soldados.

Investigadores do 5º DP (Cambuci) receberam uma denúncia um traficante transportando drogas dentro de um Vectra. Ele havia saído do Tatuapé, na zona leste, e levava entorpecentes para o Cambuci, na região central. Os policiais localizaram o automóvel trafegando por Pinheiros com três suspeitos dentro. Atrás do Vectra havia um Gol com quatro passageiros (os três soldados e o comerciante). Os investigadores pediram o apoio do Grupo de Operações Especiais (GOE). Quando a viatura chegou no local, o Gol fechou o carro dos policiais, o que possibilitou a fuga do traficante.

A Polícia Militar afirmou que os três soldados foram levados para o Presídio Militar Romão Gomes e que o caso está sendo acompanhado pela Corregedoria.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.