Divulgação
Divulgação

PM desmantela quadrilha acusada de furtar casas de luxo

Quatro suspeitos foram detidos e dois conseguiram fugir; prisão aconteceu em São Caetano do Sul

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

22 Setembro 2016 | 13h13
Atualizado 22 Setembro 2016 | 20h11

SÃO PAULO - A Polícia Militar prendeu uma quadrilha que furtava casas de luxo no interior e Grande São Paulo nesta quarta-feira, 21, na cidade de São Caetano do Sul. Ao todo, quatro suspeitos foram detidos. Outros dois conseguiram fugir. Os bandidos levavam joias e dinheiro das residências.

Segundo a PM, os criminosos estavam em um Ford Fusion e foram abordados por agentes do 6.º Batalhão (6.º BPM/M) na Avenida Guido Aliberti, em São Caetano do Sul, na Grande São Paulo, por volta das 16h15. Eles teriam desobedecido ordem de parada, mas acabaram presos no trânsito.

Cercados, seis suspeitos desceram do carro e começaram a correr, diz a PM. Dois deles conseguiram fugir. Os outros quatro foram presos e levados para a Delegacia Sede da cidade. Os suspeitos teriam confessado que haviam acabado de invadir e furtar uma casa em Sorocaba, no interior.

​Dentro do veículo, os policiais acharam 52 anéis, 20 correntes, 60 pares de brinco, 30 pingentes, nove relógios e quatro celulares. Também foi encontrado um alicate de corte e um pé de cabra, ferramentas usadas para invadir residências. Encaminhadas à delegacia, as vítimas do furto reconheceram os suspeitos.

Mais conteúdo sobre:
Polícia Militar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.