Para delegada, motorista de carreta dormiu e causou acidente com 34 mortos

O Estado de S.Paulo

08 Dezembro 2011 | 03h02

A delegada Maria do Socorro Damásio investiga se o acidente que matou 34 pessoas na BR-116, em Brejões, interior da Bahia, envolvendo ônibus, carreta e caminhão, foi provocado porque o motorista da carreta dormiu ao volante. A batida aconteceu na madrugada de sábado. O ônibus levava 45 boias-frias para Pernambuco após empreitada de corte de cana em Mato Grosso do Sul. Todos os mortos estavam no ônibus.

Imagens de câmera de segurança mostram a carreta em zigue-zague pouco antes da colisão. Teste de bafômetro não indicou que o motorista estivesse bêbado. Em depoimento, ele negou que tivesse dormido e culpou o motorista do ônibus, que morreu, pelo acidente.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.