Mulher morre após ser baleada na cabeça em assalto a pet shop

Mulher morre após ser baleada na cabeça em assalto a pet shop

Vítima chegou a entregar todo o dinheiro do caixa a assaltantes, que conseguiram fugir; até o momento, ninguém foi detido

Sara Abdo, O Estado de S.Paulo

10 Agosto 2017 | 07h03

SÃO PAULO - Uma mulher morreu após ser baleada em um assalto a um pet shop na noite desta quarta-feira, 9. Seu filho também foi atingido no braço, e tem quadro de saúde estável. O crime aconteceu por volta das 18h30 no bairro do Jabaquara, na zona sul de São Paulo. 

A comerciante Jacira Carusa de Aguiar, 59 anos, estava no local acompanhada de seu marido quando dois assaltantes, que estavam em uma moto, invadiram o estabelecimento e pediram todo o dinheiro do caixa. O filho do casal, de 31 anos, chegou ao local sem saber o que acontecia, e enquanto a mãe o avisava sobre o assalto, foi baleada na cabeça.

Jacira morreu na hora, e o filho foi levado para o Hospital Municipal Doutor Arthur Ribeiro de Saboya, também no bairro Jabaquara. O marido da comerciante não foi atingido, e, em estado de choque, acompanhou o filho. As informações são da assessoria de imprensa da Segurança Pública.

Os assaltantes conseguiram levar todo o dinheiro, e até o momento ninguém foi preso. 

O crime foi registrado como roubo seguido de morte, e entra nas estatísticas do aumento de latrocínio no Estado de São Paulo.  Protocolado na 16º DP, o caso foi encaminhado para a 35º DP (Jabaquara), a área dos fatos, nesta quinta-feira, 10. 

Mais conteúdo sobre:
Assalto Segurança Pública

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.