1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Motoristas fazem "Operação Tartaruga" em São José dos Campos

Luiz Fernando Toledo - O Estado de São Paulo

16 Junho 2014 | 11h 51

O Sindicato dos Metalúrgicos informa que 80 ônibus circularam com velocidade reduzida. O grupo diz que a operação ocorreu nos quatro quilômetros de extensão da Avenida José Longo

SÃO PAULO - Motoristas e cobradores de São José dos Campos participaram de uma "operação tartaruga" entre 7h e 8h desta segunda-feira, 16.  O ato foi organizado pela oposição do Sindicato dos Condutores do Vale do Paraíba, com apoio do Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e região. 
 
Os manifestantes conduziram os ônibus com velocidade reduzida e fizeram protestos com carros de som. Segundo a Secretaria de Transportes de São José dos Campos, que nega a operação, houve 20 minutos de lentidão no transporte público apenas na região central, por causa de um bloqueio promovido pelo Sindicato dos Metalúrgicos. A assessoria de imprensa da pasta informou que os veículos foram autuados e que os ônibus circulam normalmente pela cidade. 
 
O Sindicato dos Metalúrgicos informa que 80 ônibus circularam com velocidade reduzida. O grupo diz que a operação ocorreu nos quatro quilômetros de extensão da Avenida José Longo e que diversos diretores da entidade estiveram no local.  "Nós não vamos aceitar só a inflação. A gente resolveu fazer a operação tartaruga para ver se as empresas melhoram a oferta, que é de 5,82%", disse o líder da oposição sindical, Paulo Ferreira da Silva. 
 
A categoria está em campanha salarial. Pedem reajuste de 10,82%, aumento do valor do vale alimentação, convênio médico gratuito e aumento na participação dos lucros, que hoje é de R$ 610. Eles pedem R$ 1.000. 
 
Segundo o sindicato, não há outros atos planejados, mas os motoristas vão decidir ao longo do dia se iniciam uma greve. "Se a proposta não for satisfatória, vamos continuar. Se hoje não chegar a uma proposta, amanhã vamos parar por tempo indeterminado", disse Silva. O 'Estado' não conseguiu contato com as empresas de ônibus envolvidas.