Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

São Paulo

São Paulo » Motorista mudará rotina para fugir de rodízio no dia todo

São Paulo

São Paulo

Copa

Motorista mudará rotina para fugir de rodízio no dia todo

Prefeitura decretou extensão do rodízio na segunda-feira, jogo do Brasil, para evitar congestionamentos

0

RAFAEL ITALIANI,
O Estado de S. Paulo

19 Junho 2014 | 20h49

SÃO PAULO - Os motoristas de São Paulo e das cidades da Região Metropolitana que têm carros com placas de final 1 e 2 foram surpreendidos pelo rodízio que vai durar das 7h às 20h na próxima segunda-feira, 23, na capital.

“Eu achei que fosse apenas um boato. Como tenho horário flexível, consigo sair de casa às 11h. Na segunda-feira, não vai ter jeito e vou ter de trabalhar em casa”, afirmou o empresário Gerson Cajuí, de 47 anos. Proprietário de um franquia de uma operadora de celular e com apenas um carro, ele afirmou que não terá alternativas na segunda-feira. “Isso acaba com a minha flexibilidade de horário. É praticamente uma imposição para eu não sair com o carro”, disse Cajuí. 

Moradora de Caieira, na Grande São Paulo, a fisioterapeuta Roseli Mesquita, de 47 anos, também não pretende sair. Na casa dela há apenas um carro. O automóvel com placa final 2 seria utilizado pelo marido dela na segunda, que trabalha com seguro automotivo e dirige o dia inteiro. 

No entanto, Roseli afirmou que, por causa do trânsito de três horas que o marido enfrentou na terça-feira, ele já estava pensando em ir trabalhar de trem, utilizando a Linha 7-Rubi da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) e evitar congestionamento. “Agora não vai ter jeito mesmo. Na segunda-feira, ele vai ter de trabalhar o tempo todo usando o transporte público.”

Mais conteúdo sobre:

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.