Lula pede integração dos ministérios no combate ao tráfico e ao consumo de crack

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva cobrou na sexta-feira dos ministros da Justiça, Luiz Paulo Barreto; da Educação, Fernando Haddad; e da Saúde, José Gomes Temporão, além do secretário nacional de Política Sobre Drogas, Paulo Roberto Uchôa, que apresentem, em 15 dias, um plano integrado de combate ao consumo e ao tráfico de crack. Segundo Barreto, a apreensão da pasta-base de cocaína - usada para produzir pedras de crack - cresceu de 500 quilos, em 2008, para 4,5 mil quilos em 2009. Lula pediu que as ações realizadas separadamente pelos ministérios sejam sistematizadas. Para Barreto, a integração trará resultado mais eficaz no combate ao crack.

, O Estado de S.Paulo

11 Abril 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.