Estadão - Portal do Estado de S. Paulo

São Paulo

São Paulo » Lei obriga taxista a usar até smoking a partir desta segunda

São Paulo

Sérgio Castro/Estadão

Lei obriga taxista a usar até smoking a partir desta segunda

Portaria publicada pela gestão Haddad define o ‘uniforme’ obrigatório para taxistas; camiseta esportiva está proibida

0

Adriana Ferraz,
O Estado de S.Paulo

18 Janeiro 2016 | 02h55

SÃO PAULO - A partir desta segunda-feira, 18, todos os taxistas que atuam em São Paulo terão de caprichar no visual para não serem multados pela Prefeitura. Segundo portaria publicada pela gestão Haddad, o “uniforme” obrigatório básico será composto por camisa e calça social (ou calça jeans escura), além de blazer em dias de frio. As mulheres terão de usar “traje compatível”, como tailleur. No caso de taxistas da categoria luxo, a exigência inclui terno e gravata ou smoking.

Ao mesmo tempo, os taxistas ficam proibidos de usar bermudas, camisetas esportivas (como de times de futebol), chinelos e bonés. As normas visam, segundo a Secretaria Municipal de Transportes, a padronizar a conduta e a postura no exercício da profissão.

Também entram em vigor nesta segunda-feira exigências relacionadas à manutenção dos táxis, que deverão estar sempre polidos, aspirados internamente e com cintos de segurança disponíveis aos passageiros no banco dianteiro ou traseiro.

Já a obrigatoriedade de ofertar a possibilidade de pagamento eletrônico, por meio de cartão de crédito ou débito, foi adiada para 4 de março, a pedido dos taxistas.

Com as mudanças, a gestão Fernando Haddad (PT) procura oferecer as mesmas vantagens da Uber. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.