Justiça indeniza preso absolvido após 11 anos

A juíza Simone Lopes da Costa condenou o Estado do Rio a pagar uma indenização por danos morais a um homem que ficou preso por 11 anos e 8 meses e, por fim, foi absolvido. No pedido, Valdimir Sobrosa afirmou que com o cárcere foi privado do crescimento de seu filho. Transferido 24 vezes, acabou privado da visita de seus familiares, sem contar o fato de ser sobrevivente de diversas rebeliões.

O Estado de S.Paulo

28 Julho 2012 | 03h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.