Homem é preso depois de atirar em bebê de 6 meses durante assalto em SP

Suspeito invadiu residência e atirou contra bebê por ter se irritado com seu choro

24 Abril 2010 | 18h47

Pedro da Rocha, da Central de Notícias

 

SÃO PAULO - Um homem foi preso na noite de sexta-feira, 23, depois de atirar em um bebê de seis meses quando tentava assaltar residência no bairro Vila Nivi, zona norte da capital.

 

Segundo a polícia, o suspeito teria invadido a casa, armado com uma arma calibre 38, e rendido os moradores. Duas crianças que estavam no local começaram a chorar, o bandido se irritou e atirou contra um bebê de seis meses, porém a bala falhou.

 

Três das vítimas, um homem de 41 anos, uma mulher de 39 e uma senhora de 59, partiram para o confronto físico com o assaltante. Cinco tiros foram disparados, sem atingir ninguém, e o criminoso foi dominado.

 

Um segundo ladrão entrou na residência, mas quando soube que a polícia estava a caminho saiu correndo. O filho de uma das vítimas, que chegava ao local de carro, percebeu a situação e tentou acompanhar o fugitivo para informar a polícia de seu paradeiro, mas o suspeito acabou cruzando o caminho do veículo e foi atropelado.

 

O ladrão atingido pelo carro está internado no Hospital Mandaqui. O outro foi encaminhado para o 73º DP.

Mais conteúdo sobre:
preso assalto bebê São Paulo Vila Nivi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.