1. Usuário
Assine o Estadão
assine

Haddad proíbe camelôs no centro e em Itaquera durante a Copa

Caio do Valle, Laura Maia de Castro e Rafael Italiani - O Estado de S. Paulo

10 Abril 2014 | 09h 10

Somente a Fifa poderá explorar o comércio de rua e a publicidade nessas áreas durante o evento

Atualizada às 12h06.     SÃO PAULO - Nos dias de jogos da Copa do Mundo de futebol no Estádio do Itaquerão, as ruas de Itaquera, na zona leste da capital paulista, e do centro da cidade ficarão sem o comércio ambulante tradicional. É o que estabelece um decreto publicado nesta quinta-feira, 10, pela gestão do prefeito Fernando Haddad (PT). Baseado na Lei Geral da Copa, editada em 2012 pelo governo federal, o texto determina que somente terá direito a explorar o comércio ambulante na região a Fédération Internationale de Football Association (Fifa), organizadora do evento esportivo.

Em caso de descumprimento, os órgãos públicos municipais poderão "adotar as medidas necessárias à prevenção e ao combate a qualquer ilícito que viole os direitos da propriedade intelectual relacionados aos eventos, tais como marcas, símbolos, expressões e mascotes que caracterizem a Fifa ou os eventos, práticas publicitárias e comerciais que, sem a prévia autorização da Fifa ou de pessoa por ela indicada, visem auferir proveito econômico, mercadológico ou de imagem sobre os eventos".

Veja mapa de onde não poderá haver camelôs durante a Copa do Mundo, em Itaquera:

 

Ainda de acordo com o decreto, assinado pela prefeita em exercício, Nádia Campeão (PCdoB), as autoridades municipais deverão colaborar com as estaduais e as federais para que a exclusividade comercial da Fifa seja garantida na região. Mesmo os espaços aéreos de Itaquera e do centro estarão sob a vigilância da Fifa e do poder público, pois também são "áreas de restrição comercial".

As regras vigorarão em áreas onde os vendedores ambulantes costumam frequentar para comercializar seus produtos, principalmente em dias de grandes eventos. É o caso da chamada "Fan Fest" da Fifa, que será realizada na região do Vale do Anhangabaú, na região central. Nos dias de jogos da Copa do Mundo, esse espaço e o seu entorno, segundo o decreto da gestão Fernando Haddad, ficarão reservados "como área de lazer exclusiva aos fãs da Copa do Mundo Fifa 2014".

Veja mapa de onde não poderá haver camelôs durante a Copa do Mundo,  no centro da capital:

 

Ambulantes. Com isso, locais como o Viaduto do Chá, o Largo da Memória, a Praça Ramos de Azevedo, a Rua Conselheiro Crispiniano, a Praça do Patriarca e a Rua Líbero Badaró não poderão ter camelôs não autorizados pela Fifa.A mesma coisa vale para as imediações do Itaquerão. Por ali, pessoas que costumam trabalhar vendendo produtos nas ruas não poderão exercer as suas atividades em um perímetro definido por vias como as Avenidas Calim Eid, Itaquera e Miguel Ignácio Cury.

Segundo o decreto da Prefeitura, "o direito de, com exclusividade, divulgar suas marcas, distribuir, vender, dar publicidade ou realizar propaganda de produtos e serviços, bem como outras atividades promocionais ou de comércio de rua nas áreas de restrição comercial, fica reservado à Fifa no dia do evento e no dia que lhe seja imediatamente anterior".

Os estabelecimentos comerciais já existentes "e regularmente instalados" nesses pontos terão a manutenção de suas atividades asseguradas, informa o texto publicado no Diário Oficial da Cidade.

Outro lado. Durante evento que premiou a cidade de São Paulo como melhor destino turístico do Brasil nesta quinta-feira, 10, o prefeito Fernando Haddad (PT) comentou sobre o decreto que restringe área de ambulantes na capital paulista. "Esse decreto está disciplinando uma norma que já é lei, não há mudanças", disse."Só estamos dando clareza de como a lei será cumprida no período da Copa."

O prefeito ainda disse que o objetivo é que "não haja nenhum tipo de problema durante os jogos". Segundo Haddad, a cidade faz 'boa' fiscalização contra ambulantes irregulares, "talvez a melhor do País", afirmou.

Você já leu 5 textos neste mês

Continue Lendo

Cadastre-se agora ou faça seu login

É rápido e grátis

Faça o login se você já é cadastro ou assinante

Ou faça o login com o gmail

Login com Google

Sou assinante - Acesso

Para assinar, utilize o seu login e senha de assinante

Já sou cadastrado

Para acessar, utilize o seu login e senha

Utilize os mesmos login e senha já cadastrados anteriormente no Estadão

Quero criar meu login

Acesso fácil e rápido

Se você é assinante do Jornal impresso, preencha os dados abaixo e cadastre-se para criar seu login e senha

Esqueci minha senha

Acesso fácil e rápido

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Cadastre-se já e tenha acesso total ao conteúdo do site do Estadão. Seus dados serão guardados com total segurança e sigilo

Cadastro realizado

Obrigado, você optou por aproveitar todo o nosso conteúdo

Em instantes, você receberá uma mensagem no e-mail. Clique no link fornecido e crie sua senha

Importante!

Caso você não receba o e-mail, verifique se o filtro anti-spam do seu e-mail esta ativado

Quero me cadastrar

Acesso fácil e rápido

Estamos atualizando nosso cadastro, por favor confirme os dados abaixo