Hlevio Romero/Estadão
Hlevio Romero/Estadão

Gestão Doria quer todos os ônibus com Wi-Fi e ar-condicionado até 2020

Secretário disse ainda que será feita uma PPP para administrar corredores e que haverá substituição 'paulatina e gradual' dos cobradores

Pedro Venceslau *, Enviado especial

12 Abril 2017 | 23h40

SEUL - O secretário de Transportes da capital paulista, Sergio Avelleda, disse nessa quinta-feira, 13, em Seul, que até 2020 toda a frota de ônibus ds São Paulo terá ar-condicionado e Wi-Fi. Segundo ele, a regra vai constar dos próximos contratos de licitação das empresas de ônibus que operam em São Paulo, que serão feitos em junho. 

"Vamos acelerar o processo de renovação depois de assinado o contrato de concessão. Queremos que todos os ônibus tenham ar-condicionado e Wi-Fi até 2020", disse o secretário. 

Em entrevista concedida em Seul, onde acompanha o prefeito João Doria (PSDB) em uma missão oficial, Avelleda disse que a próxima licitação do sistema de ônibus pretende trazer mudanças e que uma PPP (parceria público-privada) será feita para administrar os corredores de ônibus. "Queremos trazer o setor privado para manter e desenvolver o corredor", disse o secretário. 

O secretario também garantiu que haverá uma "redução progressiva" dos gases contaminantes após a nova concessão. São Paulo tem hoje uma das maiores frotas de ônibus do mundo, com 15 mil veículos. Segundo Avelleda, haverá ainda uma substituição "paulatina e gradual" dos cobradores, que serão aproveitados em outras funções.                       

O secretário e o prefeito João Doria visitaram na manhã dessa quinta-feira executivos da Hyundai e disseram que esperam a participação da multinacional no mercado brasileiro.       

* O repórter viajou a convite da prefeitura de Seul

 

Mais conteúdo sobre:
SEUL Wi-Fi João Doria São Paulo PSDB PPP Hyundai

Encontrou algum erro? Entre em contato

0 Comentários

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.