José Luís da Conceição/Governo de São Paulo
José Luís da Conceição/Governo de São Paulo

Furto de cabos reduz velocidade de duas linhas da CPTM nesta segunda-feira

Linhas 11-Coral e 12-Safira têm cabos de sinalização furtados em atos de vandalismo; operação foi afetada entre estações Brás e Tatuapé

Sara Abdo, O Estado de S.Paulo

28 Agosto 2017 | 07h04

SÃO PAULO -  O furto de cabos de sinalização da Linha 11 - Coral e Linha 12 - Safira da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) está afetando a velocidade dos trens na manhã desta segunda-feira, 28. A equipe técnica da CPTM percebeu a ocorrência momentos antes do início das operações, às 4h40, e associa o furto a atos de vandalismo. 

Ambas as linhas fazem o trajeto entre as estações Brás e Tatuapé, trecho em que os trens estão operando com velocidade reduzida e maior tempo de parada. A CPTM informou, via assessoria de imprensa, que os cabos furtados foram os de sinalização, tal como aconteceu na linha 7 - Rubi no último dia 14 e agosto.

Até o final da manhã, por volta das 11 horas, não havia previsão de normaliazação das operações. 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.