Frio deve continuar em SP nesta semana

Tarde mais fria foi registrada ontem; no fim de semana, mínima deve ficar abaixo de 10°C

FELIPE TAU, O Estado de S.Paulo

17 Julho 2012 | 03h02

A capital paulista teve ontem a tarde mais fria do ano, com máxima de 14,3°C no Mirante de Santana, na zona norte. O recorde anterior era de 15,5°C, em 8 de junho. E o frio deve continuar em São Paulo nos próximos dias.

A capital paulista já registrou no fim de semana as menores temperaturas de 2012. No Mirante de Santana, zona norte, houve recorde consecutivo. No sábado, a temperatura mínima foi de 8,9ºC e anteontem, de 8,8ºC. Na zona sul da capital, a Universidade de São Paulo (USP) registrou temperaturas ainda mais baixas, que chegaram a 5,4ºC no sábado.

Segundo o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o tempo chuvoso e a presença de ar polar derrubaram a temperatura. A presença de ar polar é comum nesta época, mas o excesso de umidade, não. Novas áreas de instabilidade avançam do Sul do País e trazem mais chuva para a cidade até amanhã.

A partir de quinta, a umidade diminui, mas o frio aumenta. Nas madrugadas de sexta-feira e do fim de semana, as temperaturas devem ficar abaixo de 10°C.

A forte massa de ar polar e a nebulosidade persistente ao longo do dia também determinaram ontem frio muito intenso em Curitiba. De acordo com o Inmet, a temperatura variou entre 6,3°C e 9,4°C. Essa temperatura máxima de apenas 9,4°C na capital configura um novo recorde de frio para 2012. A menor temperatura máxima verificada anteriormente era de 11,4°C, no dia 9 de junho.

A tarde de ontem também foi a mais fria do ano na cidade do Rio. De acordo com o Inmet, a temperatura máxima foi de 20,5 graus na estação da Saúde, na zona portuária da capital. O tempo chuvoso e a presença do ar polar foram determinantes nesse caso.

Abaixo de zero. Temperaturas muito próximas de zero grau também voltaram a ser registradas ontem no Sul do Brasil. O Inmet registrou - 2ºC em São Joaquim (SC), -1,2ºC em Bom Jardim da Serra (SC), - 1ºC em São José dos Ausentes (RS), - 0,8ºC em Vacaria (RS), - 0,5ºC em Dom Pedrito (RS) e - 0,2ºC em Bagé (RS).

Nos próximos dias, o frio aumenta no Sul com a passagem de outra massa polar forte. Até o fim da semana, muitas áreas gaúchas e catarinenses voltam a registrar temperaturas negativas, que vão provocar geadas de moderadas a fortes.

Há risco de geada no sul gaúcho hoje e amanhã. E o fenômeno deverá ser generalizado no interior gaúcho. Na quinta e na sexta-feira, a geada ocorre em praticamente todo o interior do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e no sul do Paraná.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.