Família é atingida ao ajudar vizinhos

Os pais e o irmão do soldado do Exército Gabriel Silva, de 20 anos, ajudavam vizinhos soterrados pela enxurrada que desceu da encosta da Estrada da Cachoeira, que liga a zona sul de Niterói à região oceânica, na madrugada de terça-feira. De repente, houve novo deslizamento.

, O Estado de S.Paulo

08 Abril 2010 | 00h00

O irmão do soldado foi protegido por um abacateiro. A mãe ficou presa pela lama até a cintura e conseguiu ser salva. O pai do soldado foi encoberto pelo barro e até a noite de ontem não havia sido localizado.

"Fui avisado no quartel. Quando cheguei aqui, tinha vizinho, gente que eu nem sei de onde apareceu para ajudar a procurar meu pai. Mas não tinha Defesa Civil nem bombeiro. Pedi ajuda ao meu comandante", contou.

Exército. Por dois dias, guarnições do Exército se revezaram na encosta da estrada para escavar o barro, que estava em uma profundidade de cerca de cinco metros. Só na tarde de ontem chegou o reforço de homens do Corpo de Bombeiros.

Silva preferiu não revelar o nome do pai, que trabalha como porteiro. "Tenho esperanças que ele esteja vivo", afirmou ontem. / C.T.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.