Divulgação
Divulgação

Exposição reúne peças premiadas do design brasileiro

Fotos e objetos criados pelos vencedores da 4ª edição do IDEA/Brasil podem ser vistos de hoje até o dia 26 no Conjunto Nacional

Valéria França, O Estado de S.Paulo

01 Agosto 2011 | 00h00

Começa hoje no Conjunto Nacional mostra que reúne objetos e fotos de produtos criados por alguns dos melhores profissionais do design nacional. Tem de tudo: de carros a peças de decoração e eletrodomésticos que fazem parte do dia a dia. No total, estarão expostos, a partir das 19 horas, 88 produtos premiados na quarta edição do IDEA/Brasil, o mais importante concurso de design do País.

"Eles foram selecionados entre os 400 inscritos deste ano", conta Joice Joppert Leal, organizadora do evento. Entre as categorias estão Casa, Comerciais & Industriais, Transporte e Escritórios.

A premiação nacional é um braço do evento mãe, o International Design Excellence Award (IDEA), que existe nos Estados Unidos desde 1980. Uma década depois, o evento ganhou prestígio internacional e hoje reúne profissionais de todo o mundo. O Brasil, porém, foi o único país escolhido até agora para receber parte do evento. E os selecionados na premiação nacional também concorrem lá.

Os inscritos concorrem aos prêmios ouro, prata e bronze de cada categoria. Da edição brasileira, saíram 20 ouros.

Entre eles está uma mesa projetada no Maranhão que dá a impressão de poder sair andando sozinha a qualquer momento. Isso porque o designer João Raposo, sócio do escritório Quadrante, substituiu os tradicionais pés por um conjunto de pernas esculpidas. É uma das peças lúdicas do concurso.

A Fiat foi campeã na categoria Design de Estratégia, com o Mio. Trata-se de um carro conceito, criado a partir de ideias mandadas por mais de 2,6 milhões de internautas, de mais de 160 países. É o primeiro carro criado com a participação de eventuais usuários, que deram sugestões do que seria um carro ideal para o futuro. O Mio ainda ganhou bronze na disputa internacional nos Estados Unidos.

Outro vencedor foi o Bar Número, nos Jardins. O projeto, assinado por Isay Weinfeld, levou bronze na categoria ambiente. Ao todo, dez brasileiros se deram bem lá fora. Mas nenhum trouxe para a casa o ouro.

O IDEA funciona como uma espécie de selo de qualidade mundial. Apesar de não ter prêmio em dinheiro, ele dá exposição na mídia e, consequentemente, favorece novos negócios e parcerias aos designers.

"Inscrevi meu projeto, porque preciso viabilizá-lo comercialmente", diz João Marcos Della Rosa, de 48 anos, de Blumenau. Ele ganhou ouro no Brasil com o projeto de um tecido de algodão que pode ser usado como adesivo na parede. "É o primeiro modelo em algodão feito com estampa digital", diz.

Iniciantes. Há também uma categoria Estudante. Nela, o campeão foi William Yoshio Kimura, de 27 anos, que inscreveu seu projeto de conclusão de curso na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da USP. Kimura deu nova cara a um equipamento comum em escritórios - o bebedouro de água com garrafão azul de plástico. "Ele foi parar na parte inferior do bebedouro para facilitar a recarga", explica. "A água é bombeada com um compressor para cima. E a torneira é regulável. Queria facilitar o acesso a portadores de deficiência."

A exposição no Conjunto Nacional vai até 26 de agosto.

VENCEDORES

Casa: João Raposo, Ana Lúcia Orlovitz, Júlio Bertola, Olavo Machado Neto, Oswaldo Mellone

Comerciais e Industriais: Felipe Garcia

Ambientes e Design de Serviços: Ana Couto

Design de Estratégia: Crama Design Estratégico, Thiago Colares, Future Brand BC&H e Fiat

Estudante: Matheus de Luca Moreira Pinto e William Yoshio Kimura

Escritórios e Informática: Dari Beck

Transporte e Pesquisa: Fiat

Têxtil: João Marcos Rosa

Serviço

IDEA/BRASIL: AVENIDA PAULISTA, 2.073, CERQUEIRA CÉSAR, TÉRREO, TELEFONE (11) 3032-7191, A PARTIR DAS 19 HORAS, TODOS OS DIAS, GRATUITO, ATÉ 26/8, WWW.IDEABRASIL.COM.BR

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.