Em alta, roubo cresce 12% em São Paulo em novembro

Secretaria de Segurança Pública divulga dados da criminalidade no mês, antecipados pelo 'Estado'

O Estado de S. Paulo

24 Dezembro 2014 | 19h00

SÃO PAULO - A taxa de roubos no Estado de São Paulo cresceu 12% no mês de novembro, segundo a Secretaria da Segurança Pública. Conforme antecipado pela edição do Estado desta segunda-feira, 22, o crime tem alta consecutiva há um ano e meio. Em novembro deste ano, foram 23.507 registros de roubos ante 20.990 no mesmo mês do ano passado. 

O Estado também antecipou a queda no índice de roubos de veículos em São Paulo. Em novembro deste ano, a redução foi de 14,6%. No mês passado, foram 7.705 veículos roubados, ante 9.023 em novembro de 2013. 

De acordo com a secretaria, a queda de roubos de veículos, pelo sexto mês consecutivo, se acentuou a partir de junho. Desde julho, foram fiscalizados 982 desmanches de veículos no Estado, em operações das Polícias Civil, Militar e Técnico-Científica em parceria com o Departamento Estadual de Trânsito (Detran), prefeituras e outros órgãos públicos.

Segundo a pasta, 491 deles foram lacrados por irregularidades e a Lei dos Desmanches ajudou a diminuir a ocorrência de roubos. 

Por sua vez, os furtos de veículos, como divulgado pelo Estado, tiveram alta de 0,6%, passando de 9.905 para 9.960.

Furtos. A taxa de furtos gerais teve queda de 10,3%, conforme também antecipado pelo Estado. Em novembro deste ano, foram 39.591 registros de furtos, ante 44.122 no mesmo mês do ano passado. Desde janeiro, segundo a secretaria, o índice acumula queda de 4,9%.  

Mais conteúdo sobre:
Roubo furto criminalidade São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.