Decretada prisão de 12 PMs por morte de motoboy

A Justiça Militar decretou a prisão temporária de 12 PMs suspeitos de envolvimento na tortura e morte do motoboy Eduardo Luís Pinheiro dos Santos, de 30 anos. As agressões ocorreram na Casa Verde, zona norte, no dia 9. Entre os presos estão a tenente Andressa Silvestrini Sartoreto, o sargento Wagner Aparecido Rosa e os soldados Alexandre Seidel, Nelson Rubens Soares, Antônio Sidnei Rapelli Junior e Rafael Souza Cardoso.

, O Estado de S.Paulo

29 Abril 2010 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.