Comerciante reage a assalto e morre baleado em Ribeirão Preto

Jovem com cerca de 18 anos fingiu que ia comprar alianças e anunciou o roubo; vítima chegou a ser socorrida

Brás Henrique, O Estado de S.Paulo

22 Junho 2009 | 18h37

Um dos sócios de uma oficina de joias morreu na tarde desta segunda-feira, 22, nos Campos Elíseos, em Ribeirão Preto, ao tentar reagir a um assalto. A oficina fica nos fundos de uma residência e um homem, com cerca de 18 anos, pelo interfone, disse que queria comprar um par de alianças. No local, joias também são comercializadas.

 

Humberto Tavares Del Siampo, de 31 anos, foi rendido ao abrir a porta, pelo rapaz que estava armado com um revólver. Quando chegou nos fundos, Del Siampo reagiu e o rapaz atirou em seu abdome. Del Siampo ainda foi levado à Santa Casa, que fica a cerca de três quarteirões da residência, mas não resistiu aos ferimentos. Na oficina ainda estavam o irmão da vítima, Ricardo, e o primo Daniel Fernando Franc. O caso é investigado pelo 2.º Distrito Policial. Uma mulher teria auxiliado o autor do crime.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.