REPRODUÇÃO
REPRODUÇÃO

Chuvas causam alagamentos em SP

Fortes pancadas na tarde desta segunda deixaram maior parte dos bairros em estado de atenção para enchentes

Fábio de Castro, O Estado de S. Paulo

21 Dezembro 2015 | 19h35

As fortes chuvas que atingiram a cidade de São Paulo na tarde desta segunda-feira, 21, deixaram grande parte da capital em estado de atenção para alagamentos, de acordo com o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da prefeitura. Até as 19 horas, o alerta foi dado para as zonas Oeste, Norte e Leste, além do centro, da zona Sudeste e as marginais Pinheiros e Tietê.

Os alagamentos deixaram intransitáveis pelo menos sete pontos da cidade, segundo o CGE: no Centro, a rua Teixeira Leite e a rua do Glicério, na Zona Leste, a Rua Bresser e na Zona Oeste, a Rua Palestra Itália, a Praça Marrey Junior, parte da Avenida Pompeia e a rua Frei Henrique de Coimbra.

O órgão informou que também choveu forte no município de Mauá e moderadamente nas cidades de Guarulhos, Barueri, Santana do Parnaíba, Osasco e Itapevi - todas na Grande São Paulo.

Previsão. Nos próximos dias, também segundo o CGE, o sol voltará a predominar, favorecendo a elevação das temperaturas. As chuvas, no entanto, persistirão as na forma de pancadas no final das tardes.

Na terça, o dia começará com muita nebulosidade, mas o sol retornará entre nuvens no decorrer do dia, com elevação das temperaturas. As mínimas deverão oscilar em torno dos 19ºC, enquanto as máximas poderão chegar a 32ºC. Entre o final da tarde e o início da noite, a nebulosidade aumenta e ocorrem chuvas na forma de pancadas com trovoadas e rajadas de vento.

Na quarta-feira, 23, o sol voltará a predominar e a temperatura se elevará rapidamente no decorrer do dia, com mínimas de 20ºC e máximas de 33ºC. Entre o final da tarde e a noite, a nebulosidade aumentará, trazendo novas pancadas de chuva à capital paulista.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.