Assine o Estadão
assine

São Paulo

São Paulo

Carnaval na Vila Madalena e Pinheiros terá dispersão às 20h

Após edição conturbada em 2015, Subprefeitura de Pinheiros também proíbiu blocos com mais de 20 mil pessoas na região

0

O Estado de S. Paulo

23 Janeiro 2016 | 12h10

SÃO PAULO - Após um carnaval que provocou críticas de moradores da região e a queda do subprefeito de Pinheiros, os foliões terão menos tempo para desfilar nas ruas da Vila Madalena e de Pinheiros, na zona oeste. Se em 2015 os blocos precisaram encerrar às 22h e a dispersão ocorrer até meia-noite, neste ano os grupos terão que desocupar as ruas até as 20h - horário em que o som será desligado. Em outras áreas da cidade, a dispersão deve ocorrer até 22h.

A determinação foi publicada no Diário Oficial pela Subprefeitura de Pinheiros nesta sexta-feira, 22. As regras também proíbem blocos com mais de 20 mil pessoas e veta desfiles nas Avenidas Sumaré, Paulo VI e parte da Faria Lima, além das Ruas Teodoro Sampaio, Cardeal Arcoverde e Henrique Schaumann e das Praças Benedito Calixto e Horácio Sabino. As informações foram divulgadas no jornal Agora São Paulo.

Na Vila Madalena, o carnaval deve ser menor para evitar transtornos e aglomerações. Na edição do ano passado, a Prefeitura precisou de apoio da Polícia Militar para conseguir liberar as vias e fazer a limpeza. Para dispersar o público, a PM usou bombas de efeito moral. Também houve atropelamentos e brigas, que terminaram com foliões esfaqueados. 

Para evitar novos transtornos na região, a Prefeitura já havia decidido transferir blocos maiores para outros locais, como a região do Parque do Ibirapuera, na zona sul, que vai receber o Monobloco e o Bicho Maluco Beleza, do cantor Alceu Valença, e a zona norte, onde desfilará o Sargento Pimenta e Bangalafumenga.

Ibirapuera. Com a expectativa de haver grande concentrações no Ibirapuera durante o carnaval, a Prefeitura decidiu que vai instalar gradis de proteção no entorno do Monumento às Bandeiras e do Obelisco e fechar os portões localizados na Avenida Pedro Álvares Cabral, por onde desfilarão os blocos carnavalescos.

Mais conteúdo sobre:

Comentários