Caixa eletrônico é alvo de bandidos com explosivos na zona sul de SP

Nenhum suspeito foi detido; já são pelo menos 136 ataques no periodo noturno desde janeiro

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

17 Dezembro 2011 | 04h28

SÃO PAULO - Criminosos explodiram, por volta das 2h45 desta madrugada de sábado, 17, um caixa eletrônico da rede Banco 24 Horas instalado num açougue localizado na Avenida Dilermando Reis próximo à esquina com Rua Zike Tuma, no Jardim Ubirajara, região do Campo Grande, zona sul da capital paulista.

 

Por causa da explosão, a máquina se incendiou, obrigando o acionamento dos bombeiros. Policiais militares da 4ª Companhia do 22º Batalhão foram até o local, mas nenhum suspeito foi encontrado. Não se sabe ainda se os bandidos conseguiram levar algum valor da máquina. O dono do açougue foi localizado e, ao chegar no estabelecimento, foi conduzido pelos policiais para o plantão do 98º Distrito Policial, do Jardim Mirna, onde o caso seria registrado.

 

Ataques. De janeiro até agora, a reportagem do estadão.com.br apurou 136 casos de ataques a caixas eletrônicos no período noturno na capital e nas cidades da Grande São Paulo. Foram 60 casos em São Paulo e 76 nos demais municípios. Dos 136 ataques, 94 ocorreram com a utilização de explosivos. Os maiores alvos dos bandidos foram os supermercados (43 casos), agências bancárias (32) e postos de combustível (19). O saldo deste montante apurado até agora é de 44 pessoas presas e 10 mortas em confrontos com a polícia.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.