Bandidos morrem em tiroteio com a PM em Carapicuíba

Segundo militares, eles eram supostamente ligados a um armeiro do PCC

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

24 Abril 2010 | 05h07

SÃO PAULO - Dois suspeitos morreram e um foi preso, na sexta-feira, 23, durante uma troca de tiros com policiais militares do 33º Batalhão na Rua Nova Prata, em Cidade Ariston, no município de Carapicuíba, região oeste da Grande São Paulo.

Durante patrulhamento pela região, os policiais desconfiaram dos ocupantes de um Hyundai Tucson e verificaram que o veículo era roubado. Na abordagem houve o tiroteio e dois dos suspeitos acabaram baleados e mortos. Com o trio, foram apreendidas duas armas.

Acredita-se que eles sejam comparsas de um armeiro do Primeiro Comando da Capital (PCC) que estava internado e morreu na sexta-feira, 23, Hospital Regional de Osasco após ser baleado pela PM, na última quinta-feira, 22, em Carapicuíba.

A polícia não sabe informar se o trio estava na rua para se vingar da morte do colega.

Mais conteúdo sobre:
PM, tiroteio, bandidos, violência

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.