Após conflito, camelôs fazem protesto pacífico na 25 de Março

Vendedores ambulantes organizaram 'apitaço'; na quinta, oito foram presos após confronto com guardas civis

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

13 Novembro 2009 | 15h57

 

SÃO PAULO - Camelôs realizaram outra manifestação na manhã desta sexta-feira, 13, na Rua 25 de Março, no centro de São Paulo, no segundo dia de fiscalização feita pela Guarda Civil Metropolitana (GCM). Diferentemente de ontem, o protesto foi pacífico. Os vendedores ambulantes fizeram um "apitaço" por volta das 9 horas e, para controlar a situação, policiais militares se reuniram com os manifestantes. Na quinta-feira, oito pessoas foram presas, um guarda ficou ferido e um carro foi apedrejado.

 

 

A quantidade de produtos falsificados apreendidos até às 15 horas de hoje superava o total apreendido na fiscalização anterior, elevando de 320 para 400 sacolas de mercadorias -- em sacos de 100 litros cada. Entre as apreensões estão brinquedos, roupas, caixas de som, chapéus e produtos perecíveis, segundo informou a Secretaria Municipal de Segurança Urbana.

Mais conteúdo sobre:
25 de Março SP camelôs

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.