Acidentes com ônibus, um deles causado pelo cobrador, deixam 7 feridos em SP

No Ipiranga, zona sul, cobrador teria acionado um comando que fez veículo descer desgovernado

Ricardo Valota, do estadão.com.br,

11 Julho 2012 | 04h37

SÃO PAULO - Dois acidentes envolvendo coletivos deixaram um saldo de sete pessoas feridas nas zonas sul e leste de São Paulo. O primeiro ocorreu no final da tarde desta terça-feira, 10, na Avenida Doutor Gentil de Moura, região do Ipiranga, zona sul.

 

Na esquina com a Rua Visconde de Pirajá fica o ponto final da linha 4113/10, que liga a região com a Praça da República, no Centro. Segundo policiais da Delegacia do Ipiranga, o cobrador de um ônibus que estava estacionado acionou um comando que fez o veículo descer desgovernado.

 

O coletivo invadiu a avenida, bateu em carros, subiu na calçada e atingiu um poste da Eletropaulo em frente à estação Alto do Ipiranga, do Metrô. Cinco pessoas ficaram feridas e foram levadas pelos bombeiros para o pronto-socorro do Hospital Heliópolis. Segundo a São Paulo Transportes, a circulação dos ônibus da linha ficou prejudicada até o início da madrugada desta quarta-feira, 11.

 

Já no final da noite, outro acidente, envolvendo um ônibus e uma van, deixou dois feridos na Rua do Oratório, próximo à Rua Fernando Falcão, na Mooca. Para desviar de um pedestre, o motorista do coletivo, da linha 172U - Mooca/Cemitério Parque dos Pinheiros, prensou uma van na parede de uma papelaria. Os dois motoristas ficaram levemente feridos, mas apenas um deles precisou ser levado para um hospital da região pelos homens do resgate.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.