Carro na contramão bate e duas mulheres morrem na Fernão Dias

Motorista de 40 anos foi preso em flagrante por provocar a colisão e está internado sob escolta policial; outro homem ficou ferido

Felipe Resk, O Estado de S. Paulo

19 Dezembro 2015 | 17h33

SÃO PAULO - Um motorista foi preso em flagrante após dirigir na contramão e provocar um acidente que terminou com a morte de duas mulheres na Rodovia Fernão Dias, na região do Tremembé, zona norte da capital paulista, na madrugada deste sábado, 19. Outros dois homens, incluindo o próprio motorista, ficaram gravemente feridos. O suspeito está internado no hospital sob escolta da Polícia Militar.

Segundo testemunhas, o biólogo José Henrique Shigueru Miyamoto, de 40 anos, saiu com seu Fiat Idea de uma rua lateral da rodovia, próximo a um hotel, acessou a Fernão Dias na contramão e dirigiu por cerca de 300 metros antes de bater em outro carro ocupado por três pessoas. A colisão aconteceu por volta da meia-noite, na altura do quilômetro 82, sentido Belo Horizonte.

Eliza Ferreira Dias, de 60 anos, e Luanda Aparecida Dias Eloy, de 27, que estavam em um Chevrolet Classic, morreram na hora. Um homem de 36 anos sofreu ferimentos graves provocados pela colisão e precisou ser socorrido para o Hospital das Clínicas.

Acionada para a ocorrência, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) constatou que Miyamoto conduzia o veículo na contramão no momento do acidente. Ele também ficou gravemente ferido e foi encaminhado para o Hospital Geral de Guarulhos, na Grande São Paulo, onde permanece sob escolta policial.

O caso foi registrado no 73º Distrito Policial (Jaçanã). A Polícia Civil solicitou perícia no local e determinou a prisão em flagrante do biólogo. Não foram encontradas bebidas alcoólicas no carro do suspeito. Por causa do seu estado de saúde, Miyamoto ainda não prestou depoimento na delegacia.

Mais conteúdo sobre:
Acidente Rodovia Fernão Dias São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.