Tudo que a gente não lembra no Natal

Tudo que a gente não lembra no Natal

Angélica Arbex

23 Dezembro 2015 | 17h22

noel

A noite de amanhã é a mais movimentada do ano nos condomínios. Na véspera de Natal , com a reunião das famílias as portarias ficam lotadas de crianças, assados, idosos, sacolas pesadas aguardando a autorização para entrar e iniciar as comemorações de fim de ano.

É só você recuperar na memória quantos natais recebeu a turma toda em casa ou foi recebido na casa dos filhos, dos pais, tios, enfim.  Os condomínios com maior número de apartamentos chegam a ter filas com quatro ou cinco grupos de visitantes por vez. Todo mundo tem prioridade, todo mundo precisa chegar antes, tem uma bandeja quente nas mãos ou um bebê resfriado.

É difícil organizar essa demanda toda sem deixar o condomínio tão vulnerável, especialmente se ele não se organizou previamente para isso.

Você que vai receber em casa na noite de natal, preste atenção nestas dicas simples que podem ajudar a organizar e evitar imprevistos desagradáveis:

– Avise: você vai fazer ceia de natal na sua casa? Avise antes a sua portaria. Assim dá tempo da equipe se preparar e se organizar melhor para esta demanda.

– A lista: prepare uma lista com os dados dos convidados adultos em ordem alfabética e entregue para a portaria; a identificação é mais rápida e segura.

– A festa: na noite de natal  é razoável que os vizinhos tenham mais tolerância com barulho fora de hora, mas não custa usar o bom senso. Depois da meia noite, tenha mais cuidado com barulho, com música, enfim… lembre que você tem vizinhos e que eles podem se incomodar.

– A portaria: se você puder, prepare um prato e ofereça para a equipe que está trabalhando, isso vai ajudar a tornar a noite mais leve e feliz.

– Despedida: fazer longas despedidas na portaria nunca é uma boa ideia, a entrada e saída de convidados deve ser rápida. O cuidado com a segurança é sempre muito importante, para você, para o condomínio, para os seus vizinhos.

– Imprevistos acontecem. Neste dia coloque em prática uma dose maior de paciência. É importante lembrar que todos estão vivendo um momento fora da rotina.

Natal é tempo de celebração, de festa, de alegria e de união. Receber a família em casa deve ser um momento de alegria e de realização.

Os apartamentos de São Paulo estarão cheios e boas histórias para contar.

Viva 2015!