Leitor tem dificuldade para conseguir reembolso do talão de Zona Azul

Leitor tem dificuldade para conseguir reembolso do talão de Zona Azul

João Quartim Barbosa diz que foi informado que deveria preencher um formulário, porém não havia o documento na Prefeitura Regional

Renata Okumura

14 Março 2017 | 05h00

O leitor João Quartim Barbosa foi à Prefeitura Regional da Lapa, na zona oeste de São Paulo, para solicitar o reembolso do talão de Zona Azul em papel. Ele diz que foi informado que deveria preencher um formulário, porém a unidade não tinha o documento naquele momento. Na Prefeitura Regional da Vila Mariana, na zona sul, enfrentou a mesma dificuldade.

Em resposta ao Estado, a São Paulo Transporte (SPTrans) informa que a solicitação foi atendida.

Werther Santana/Estadão

Foto:Werther Santana/Estadão

Reclamação de João Quartim Barbosa: “Fui à Prefeitura Regional da Lapa para pedir o reembolso do meu talão e não consegui realizar o pedido. Também estive na Prefeitura Regional da Vila Mariana, onde fui muito bem atendido, porém não encontrei o formulário que deve ser preenchido apesar de existir um banner com a informação de que você poderia solicitar o reembolso. Ninguém em nenhum momento me informou nada, só disseram que não possuem os tais formulários”.

Resposta da SPTrans: “Informamos ao leitor João Quartim Barbosa que a descentralização das trocas e o reembolso dos talões e folhas de Zona Azul em papel foram iniciados em 30 de janeiro de 2017, em todas as Prefeituras Regionais. Na Prefeitura Regional da Lapa, foram disponibilizados 150 envelopes e formulários para o reembolso entre janeiro e fevereiro. O controle deve ser feito por meio de protocolo, sempre conferido pelo munícipe, além de envelope com fita autocolante, para a preservação dos talões e das folhas entregues que passarão por perícia para verificação de autenticidade”.

Envie suas reclamações
Mande uma mensagem para o e-mail spreclama@estadao.com ou por WhatsApp para o número (11) 97069-8639. Nossa reportagem vai apurar a denúncia e apresentar a resposta no blog Seus Direitos, um espaço voltado ao cidadão e ao consumidor.

Mais conteúdo sobre:

zona azul