Bagagem de passageiro sumiu em voo da GOL

Luciana Magalhães

02 Maio 2014 | 12h56

O despreparo dos funcionários é imenso, diz leitor

Por Luciana Magalhães

Reclamação do leitor: Reclamo do descaso da GOL em relação às bagagens dos seus passageiros no Aeroporto de Guarulhos. A minha esposa foi lesada, pois a empresa perdeu a única mala que ela transportava, após ser cobrada em Salvador por exceder 5 kg. Como advogada, ela tinha roupas de uso profissional, fora os itens pessoas. Os funcionários da empresa não têm ideia de onde a bagagem foi parar. Um absurdo! Luiz Sayeg / São Paulo

Resposta: A GOL informa que o caso foi direcionado para a Central de Indenizações, para que o processo de indenização seja iniciado. A companhia informa que tem um prazo de 30 dias para tentar localizar a bagagem extraviada e somente após esse período é que a bagagem entrará em processo de indenização.

Réplica do leitor: O problema não foi solucionado. Infelizmente estamos reféns dessa empresa que não consegue cumprir uma norma estabelecida em contrato, que seria a guarda pela entrega das bagagens.