Itu resgata tradição de 360 anos na Semana Santa
As informações e opinões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Itu resgata tradição de 360 anos na Semana Santa

José Tomazela

27 Março 2015 | 19h13

A celebração da Semana Santa em Itu resgata cerimônias tradicionais realizadas pela primeira vez na cidade em 1653. As solenidades são acompanhadas pelo canto gregoriano e composições de músicos sacros produzidas há mais de 200 anos. No início, eram celebrações singelas, mas com o crescimento da cidade, enriquecida pelos ciclos do açúcar e do café, as solenidades ganharam requinte e atraíram os principais compositores sacros da época.

Os ofícios religiosos terão como palco igrejas seculares, como a Matriz de Nossa Senhora da Candelária, a do Bom Jesus e o Convento do Carmo. Todas as celebrações são acompanhadas pela Schola Cantorum e Coral Vozes de Itu, além da Banda do Carmo, que se dedicam a preservar o patrimônio imaterial paulista. Algumas composições foram recuperadas depois de terem ficado mais de um século sem serem executadas.

Entre os destaques da programação, neste sábado (27), haverá o Solene Ofício das Trevas, com os responsórios compostos em 1872 pelo maestro Elias Lobo. Através de um grande candelabro com 15 velas, pode-se acompanhar a cerimônia: a cada salmo uma delas é apagada.

A Procissão dos Passos, domingo, também é uma celebração quase extinta. Trata-se de uma via sacra com sete estações (passos) que percorre as ruas do centro histórico, parando na residência de famílias tradicionais. Em cada passo, há o Canto da Verônica, composto pelo Padre Jesuíno do Monte Carmelo, no final do século 18. Na quarta-feira, a meditação do Canto da Paixão apresentará as Turbas, compostas por Tristão Mariano da Costa, em 1876.

O Sermão das Sete Palavras, na sexta-feira, é realizado em Itu deste 1867 – foi a primeira cerimônia do gênero no Brasil. Ao final, um cortejo conduz a imagem do Senhor Morto enquanto se canta o hino medieval Vexila Regis. A imagem de Jesus morto levada pelos fiéis foi esculpida em 1796.

 

Procissão do Senhor Morto

Procissão do Senhor Morto