Pré-bala

Estadão

07 Novembro 2009 | 09h09

Na segunda quinzena de novembro a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) vai divulgar um pré-edital para a construção e operação do trem de alta velocidade (TAV) entre Campinas, São Paulo e Rio de Janeiro. O objetivo é sentir o posicionamento do mercado e o interesse das empreiteiras em participar do certame. A linha toda terá 510 quilômetros de extensão e está estimada em R$ 34,6 bilhões. Só depois desse pré-edital e também do sinal verde a ser dado pelo Tribunal de Contas da União (TCU) é que o governo federal colocará na rua a licitação que finalmente definirá quem construirá o trem bala.