Demitido responsável pela obra do Rodoanel

Estadão

16 Abril 2010 | 21h03

Paulo Vieira de Souza, diretor de Engenharia da Desenvolvimento Rodoviário S/A (Dersa), responsável pelas duas maiores obras em São Paulo – o Trecho Sul do Rodoanel e a ampliação da Marginal do Tietê – foi demitido na última sexta-feira (dia 9). No ano passado, Souza foi eleito Eminente Engenheiro do Ano pelo Instituto de Engenharia. O prêmio foi concedido “por sua excelente gestão dos aspectos institucionais, jurídicos e técnicos na condução de grandes obras governamentais, com brilhantes resultados para a sociedade, administração pública e contratantes.”
Especulações apontam que Souza não tinha bom relacionamento com o governador Alberto Goldman e em seu lugar pode assumir o ex-secretário municipal de Transportes, Frederico Bussinger, homem ligado a Goldman. Fala-se também no o ex-secretário estadual dos Transportes Metropolitanos Jurandir Fernandes. Souza estava na Dersa desde 2005. Assumiu a diretoria de engenharia em 2007.
A Secretaria Estadual dos Transportes informou que a demissão não tem relação com atrasos na entregas das obras. “Não tem qualquer relação com o atraso na entrega do Trecho Sul, uma vez que o mesmo foi aberto ao tráfego com antecipação em relação ao cronograma previsto em contrato (abril/2010). A pista do Trecho Sul não tem problemas de projeto e opera em perfeitas condições de trafegabilidade e de segurança aos usuários”, aponta nota da assessoria de imprensa da pasta. EDUARDO REINA e RENATO MACHADO

Veja no post acima resposta de Paulo Vieira de Souza