Casa própria

Estadão

26 Novembro 2009 | 17h36

Dos 160 mil financiamentos feitos para a compra de imóveis da Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo (Cohab), 42 mil mutuários estão com pagamentos das prestações atrasadas. Somente em Cidade Tiradentes, zona leste da capital, 22 mil mutuários têm dívidas não saldadas. Eles representam mais de 50% dos inadimplentes da empresa. A Prefeitura iniciou programa de reparcelamentos dos débitos, que pode chegar a 300 meses. A renegociação municipal concorre com o programa federal Minha Casa, Minha Vida, cartada da União para a habitação em São Paulo.