O legado do arquiteto
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

O legado do arquiteto

Edison Veiga

29 Abril 2014 | 00h23

DO FUNDO DO BAÚ

FOTO: ACERVO JORGE WILHEIM/ DIVULGAÇÃO

Foram necessárias apenas 8 horas, por meio de guindastes manuais, para serem erguidos os 70 mil metros quadrados da estrutura metálica que serviria de cobertura para o pavilhão de exposições do Parque Anhembi. O ano era 1969 e o autor do ousado projeto está nesta foto (é o primeiro da esq. para a dir.): o arquiteto e urbanista ítalo-brasileiro Jorge Wilheim, morto em fevereiro – ele completaria 86 anos na última quarta (23). O arquiteto sempre lamentou as alterações feitas ao desenho inicial, como a demolição do terraço e a ocupação da praça por uma extensão do pavilhão.

Publicado originalmente na edição impressa do Estadão, coluna ‘Paulistices’, dia 25 de abril de 2014

Tem Twitter? Siga o blog