Herança cafeeira
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Herança cafeeira

DO FUNDO DO BAÚ

Edison Veiga

26 Dezembro 2014 | 22h36

Foto: Elizeu Marcos Franco/ Divulgação

Foto: Elizeu Marcos Franco/ Divulgação


_____________________
Paulistices no Facebook: curta!
E também no Twitter: siga!
_____________________
Com base em 190 inventários de propriedades rurais do Vale do Paraíba, entre 1817 e 1915, Carlos Eugênio Marcondes de Moura conseguiu recuperar curiosidades da história paulista. Não faltam casos, por exemplo, de proprietários de escravos que, ao morrer, os deixavam livres e legítimos herdeiros de parte de suas terras. Nos inventários, também aparecem peças como um retrato do imperador “com moldura rica”, clavinotes, bacamartes, trabucos, porcelanas e máquinas para socar café. A pesquisa acaba de sair em livro – ‘Fazendas de Café do Vale do Paraíba: O Que os Inventários Revelam’ –, fornecido de graça a historiadores e pesquisadores, conforme disponibilidade (solicitações devem ser feitas a pupph@sp.gov.br).